O artista

Verner Markussen nasceu na Dinamarca em 1935. Ao contrário de muitos artistas, nasceu dentro de uma família nada artística, que não tinha nenhum interesse em arte ou outras atividades criativas.

Apenas teve contato com a arte, quando entrou para a Força Aérea Dinamarquesa. Lá, encontrou um amigo, cujo pai foi um excelente pintor dinamarquês, Poul Rytter (1895-1965). Durante algumas estadias na casa deste amigo, seus olhos abriram-se para um mundo completamente novo. Isso trouxe uma inspiração que nunca havia experimentado antes e então, começou a pintar.

Continuou a pintar durante seus vinte anos, enquanto trabalhava no estrangeiro como operador da Marinha Mercantil Dinamarquesa. Mais tarde, frequentou escolas de arte em Copenhagem.

Então, veio o casamento, filhos, o estabelecimento de um lar, a construção de uma casa, a vela como laser, trabalho no comércio, a tradução, produção de copyright e outras atividades que ocupassem a cabeça de um homem.

Acrescentando a tudo isso, muitas viagens pelo mundo foram feitas. Numa destas partiu da Dinamarca para um safari organizado por ele mesmo, foi ao Marrocos, à Argélia, cruzou o deserto do Sahara, foi ao Mali, a Burkina Faso, a Benin, terminando a viagem no Togo da Costa do Ouro.

Tudo isso resultou numa pausa artística de 30 anos. Quando foi necessário mudar para o Luxemburgo, com a idade de 62 anos, casando-se pela terceira vez, decidiu retomar os pincéis e colocar as cores na tela outra vez.

Isto resultou num grande número de pinturas – e muitas exposições de sucesso em Luxemburgo, Dinamarca, Alemanha e Espanha. No entanto, após mais de uma década em Luxemburgo, o tempo tinha chegado para um novo desafio e novas inspirações. Juntamente com a sua mulher, muda-se para a Dinamarca onde reside e pinta actualmente em Christianshavn – no coração de Copenhaga.

Basicamente, trata-se de um pintor autodidáta, mas com muito conhecimento e inspiração, obtidos na Dinamarca. Teve auxílio de uma conhecida pintora, Gerda Swane (1930-2004). Em Luxemburgo, fez cursos com o pintor luxemburguês, Schosch Mayer no "Lycée Technique des Arts et Métiers". Além disso, fez curso com a pintora polonesa Lydia Markiewiz no "Lycée de Bonnevoie".

Finalmente, tomou aulas com pintores ingleses, Tony Paul e Brian Ryder, no "West Norfolk Arts Centre" na Inglaterra, e com pintor Georges Briata na Francia, tendo isso contribuído para seu incessante desenvolvimento e inspiração.

Exposições
2002
Lycée de Bonnevoie - Luxemburgo
2003
Centre Universitaire de Luxembourg - Luxemburgo
Artium Art Gallery - Luxemburgo
Scandinavian Company - Luxemburgo
2004
Atelier Witt - Dinamarca
Centre Culturel Edward Steichen - Luxemburgo
Resto l'Amphitryon - Luxemburgo
2005
Galeria Sala Barna, Barcelona – Espanha
Marb-Art Contemporáneo, Marbella - Espanha
Feira do Livro de Frankfurt - Alemanha
2006
Galeria Sala Barna, Barcelona – Espanha
Øksnehallen, Copenhaga - Dinamarca
Feira do Livro de Frankfurt - Alemanha

2007
Museum of the Americas, Florida - USA
Galeria Siig, Hvam/Silkeborg - Dinamarca
Galeria Sala Barna, Barcelona - Espanha

2008
Kulturspinderiet, Silkeborg - Dinamarca
Galeria Filébos', Hasle, Bornholm - Dinamarca
Artville Art Fair, Copenhaga - Dinamarca

Todas as imagens ©
web design por Erik Rytter Dinamarca
Estando igualmente disponível, junto a outros artistas pelo website http://www.paintings-directory.com escolham,
por exemplo, as categorias "FAUVISME", "EXPRESSIONISME" e "IMPRESSIONISME".
  Tambem visite o contraBIT a exposiçao de cultura e arte Dinamarquesa